As duas operadoras, que antes eram sócias, disputaram o leilão de venda de frequências de 4G, a AWS, no México. A América Móvil, que no Brasil é dona da Claro, Embratel e Net, levou o máximo de banda que podia: 60 MHz. A AT&T comprou 20 MHz.

A operadora mexicana vai pagar 2 bilhões de pesos mexicanos a vista e outros 29 bilhões de pesos em 15 anos. As frequências AWS são as que integram as faixas de 1.710 a 1.755 MHz para o uplink e 2.110 a 2.155 MHz o downlink, já vendidas no Brasil.

Aqui também o grupo mexicano comprou o máximo de banda que a regulamentação permitia. ( com agências internacionais).

 

Previous

Anatel encerra apuração de controle vedado entre Oi e BrT, por falta de indícios

Next

Governo corta R$ 23,4 bi do orçamento mas satélite da Telebras continua prioritário

About Author

Da Redação

A Momento Editorial nasceu em 2005. É fruto de mais de 20 anos de experiência jornalística nas áreas de Tecnologia da Informação e Comunicação (TIC) e telecomunicações. Foi criada com a missão de produzir e disseminar informação sobre o papel das TICs na sociedade.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Check Also