O Conselho Administrativo de Defesa Econômica (Cade) aprovou hoje, 03, sem restrições a aquisição, por parte da IBM, da divisão de “service business” da AT&T.

Como o próprio órgão conclui, essa aquisição não afeta em nada o mercado brasileiro, pois o negócio está concentrado principalmente no mercado norte-americano, mas precisou da manifestação da agência antitruste brasileira porque envolveu dois clientes globais, cujos  contratos foram  celebrados fora do Brasil  atualmente têm acesso às hosted lync solutions.

A operação refere-se à aquisição, pela IBM, do “service business” (“negócio de serviços”) da AT&T Corp. O negócio de serviços consiste em (i) serviços de aplicativos gerenciados (“managed application services” – inclusive aplicativos corporativos, aplicativos de e-commerce, mensagens e colaboração -, “synaptic hosting” e serviços profissionais); e (ii) serviços de hospedagem gerenciada (“managed hosting services” – inclusive hospedagem dedicada ou virtual, private cloud, armazenamento gerenciado, back-up e restauração de fitas, bases de dados gerenciadas e serviços relacionados)

Com a operação, a IBM irá ofertar os serviços de aplicativos gerenciados que a AT&T oferta hoje. A AT&T  irá continuar a ofertar serviços de rede, inclusive serviços de segurança, networking em nuvem e mobilidade que oferta hoje.

Previous

Openet libera uso de seu software NFV

Next

Intelbras lança fone para pessoas com perda auditiva

About Author

Da Redação

A Momento Editorial nasceu em 2005. É fruto de mais de 20 anos de experiência jornalística nas áreas de Tecnologia da Informação e Comunicação (TIC) e telecomunicações. Foi criada com a missão de produzir e disseminar informação sobre o papel das TICs na sociedade.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Check Also