shutterstock/Ditty
shutterstock/Ditty

Depois de sofrer rebaixamento de classificação por parte de alguns analistas, em função de resultados passados, o Linkedin surpreendeu o mercado no primeiro trimestre deste ano, com receitas superiores às estimadas e lucro reportado por ação de 74 cents contra a previsão de 62 cents. As receitas somaram US$ 861 milhões, 35% superiores aos R$ 828 milhões estimados.

Para os dois próximos trimestres, as previsões da empresa também são otimistas. LinkedIn informou que espera receitas e ganhos acima do que prevê o mercado. A empresa informou que espera ganho por ação entre 74 e 77 cents no segundo trimestre, e entre US$ 3,30 e US$ 3,40 por ação para o ano de 2016. As receitas no segundo trimestre deverão ficar entre US$ 885 milhões e US$ 890 milhões, e no ano entre US$ 3,65 bilhões e US$ 3,7 bilhões.

O bom desempenho se deve, segundo executivos da empresa, ao aumento de 20% no número de usuários que buscam a plataforma para procurar emprego. De acordo Jeff Weiner, executivo-chefe, o acesso à plataforma por celulares vem aumentando a participação dos usuários na plataforma. O compartilhamento diário de informações cresceu 40% e o tráfego  para terceiros, 150%. (Com noticiário internacional)

Previous

Celular 4G já é mais da metade do mercado de 2G no Brasil

Next

Vendas de celulares caem no primeiro tri. No mundo

About Author

Da Redação

A Momento Editorial nasceu em 2005. É fruto de mais de 20 anos de experiência jornalística nas áreas de Tecnologia da Informação e Comunicação (TIC) e telecomunicações. Foi criada com a missão de produzir e disseminar informação sobre o papel das TICs na sociedade.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Check Also