FCC cria “rótulo nutricional” para comparar plano de banda larga

A agência reguladora norte-americana criou uma tabela uniforme que deve ser preenchida por todos os operadores de banda larga fixa e móvel.
A receita da FCC para esclarecer o usuário norte-americano de banda larga
A receita da FCC para esclarecer o usuário norte-americano de banda larga

O consumidor norte-americano já pode comparar o preço, a velocidade, as ofertas e mesmos os bundles existentes dos diferentes provedores de banda larga tanto fixa como móvel. A agência reguladora norte-americana, Federal Communication Comission (FCC) publicou ontem, 4, uma norma para ser seguida por todos os operadores de banda larga do país.

A intenção é tornar a contratação do serviço de banda larga o mais simples possível e permitir que o cliente possa comparar os planos, os serviços e comprar o que realmente lhe interese. Por isso, a ideia foi criar uma tabela que contivesse explicações uniformes, como uma “tabela nutricional” que vem em todos os rótulos de medicamentos ou alimento explicitando as quantidades de cada nutriente ou medicação.

Todas as empresas terão que se adequar a essas tabelas. “Os clientes precisa saber exatamente pelo o que estão pagando”, argumentou a agência.

 

Avatar photo

Da Redação

A Momento Editorial nasceu em 2005. É fruto de mais de 20 anos de experiência jornalística nas áreas de Tecnologia da Informação e Comunicação (TIC) e telecomunicações. Foi criada com a missão de produzir e disseminar informação sobre o papel das TICs na sociedade.

Artigos: 10576